Rastreamento de conversões em websites

Com o rastreamento de conversões, você pode avaliar seu retorno sobre investimento em publicidade rastreando as ações que as pessoas realizam depois de visualizar seus anúncios no Twitter ou interagir com eles.

Depois de configurar o rastreamento de conversões, você também poderá rastrear conversões em vários dispositivos. Isso significa que, se alguém tiver visto seu Tweet Promovido em um dispositivo mobile, mas converter no laptop, a conversão será atribuída com precisão à sua campanha.

Observação: para saber mais sobre como funcionam os cookies de pixel dos anúncios, converse com a equipe da sua conta do Twitter.

 

Como configurar o rastreamento de conversões

1. Selecione a website tag.

Existem dois tipos de segmentação por website tags à sua escolha:

  • Website tag universal: um único snippet de código que pode ser inserido em todo o website para rastrear várias ações do website ou conversões.

  • Website tag de evento individual: um snippet de código exclusivo que pode ser usado para rastrear uma única conversão no website.

Para a maioria dos anunciantes, recomendamos o uso da website tag Universal, pois ela simplifica o processo de marcação e permite o rastreamento da jornada do usuário em todo o seu website.

Em casos raros, você pode precisar de uma tag de evento individual para rastrear uma conversão para um evento no qual não haja carregamento de página (por exemplo, baixar um white paper ou enviar um formulário de registro).

2. Gere e instale sua website tag. 

Quando você decidir o tipo de tag que deseja usar, é hora de gerá-la e adicioná-la ao seu website. Para isso:

a. Entre na sua conta de anúncios em ads.twitter.com

b. Em "Ferramentas", selecione "Rastreamento de conversões"

Você não consegue ver a aba Ferramentas na sua conta? Isso provavelmente acontece porque você ainda não adicionou nenhum cartão de crédito à sua conta. Descubra como adicionar um aqui.

Para tags de eventos únicos, vá direto para a etapa 4. Para a website tag universal, continue a seguir.

c. Depois de concordar com nossos Termos e Condições, clique no botão "Gerar website tag para rastreamento de conversões".

d. Cole o snippet desse código imediatamente antes da tag de fechamento HTML </body> da sua página da Web ou dentro de uma tag de contêiner ou sistema de gerenciamento de tags. É possível que você precise da ajuda de um desenvolvedor ou de um recurso técnico para implementá-lo.

Consulte a seção de rastreamento de terceiros, abaixo, para obter instruções passo a passo sobre sistemas de gerenciamento de tags.

Observação: A website tag universal só precisa ser instalada no website uma única vez, e pode ser usada em várias campanhas. Não é preciso criar novas website tags para cada campanha que você veicular.

Quer rastrear mais de uma conversão no seu site? Então crie um evento de conversão para cada conversão que você quiser que a tag rastreie.

3. Criar seus eventos de conversão

Depois de a tag ser posicionada no seu website, é hora de criar um evento de conversão. Ou seja, você está pronto para dizer à sua tag o que deseja rastrear. Se você tiver optado por uma tag de evento individual, é aqui mesmo que você vai criá-la também.

a. Na página Rastreamento de conversões de ads.twitter.com, clique no botão “Criar novo evento de conversão”

b. Preencha o formulário usando as dicas a seguir como referência.

Tipos de conversão:

  • Visita ao site: o usuário visita uma landing page no site do anunciante

  • Comprar: o usuário realiza a compra de um produto ou serviço no site do anunciante

  • Baixar: o usuário baixa um arquivo do site do anunciante, como um white paper ou pacote de software

  • Inscrever-se: o usuário se inscreve no serviço, boletim informativo ou comunicação por e-mail do anunciante

  • Personalizado: essa é uma categoria abrangente para uma ação personalizada que não se encaixe em nenhuma das categorias acima.

Website tags:

Se você tiver selecionado uma website tag de evento individual, esse código será gerado ao salvar o formulário.

Para colar a tag, cole o snippet de código imediatamente antes da tag de fechamento HTML </body> da sua página da Web ou dentro de uma tag de contêiner ou sistema de gerenciamento de tags. É possível que você precise da ajuda de um desenvolvedor ou de um recurso técnico para implementá-lo.

Consulte a seção Rastreamento de ferramentas de terceiros, abaixo, para obter instruções passo a passo sobre sistemas de gerenciamento de tags.

Correspondência de URL: 

Geralmente, recomendamos usar a regra "URL contém" em vez de "URL exato", já que esta busca a correspondência exata do URL fornecido, incluindo os parâmetros de URL query string e o protocolo da página ("http" e "htpps", por exemplo). Os parâmetros da consulta do string do URL podem variar entre usuários e caminhos de navegação de websites; portanto, recomendamos que você selecione "URL exato" para casos de uso muito raros e específicos.

Janelas de atribuição:

  • Janela de atribuição pós-engajamento: escolha o período para atribuir ao Twitter as conversões ocorridas depois que uma pessoa interagir com seus anúncios. Alguns exemplos de engajamento são curtidas, Retweets, seguidores, respostas ou cliques no URL. 

    As opções da janela de atribuição pós-engajamento são 1, 2, 3, 5, 7, 14, 20, 60 e 90 dias. Se você não souber ao certo qual janela selecionar, recomendamos a configuração padrão de 14 dias. Se você alterar essa configuração, os dados de conversão serão atualizados retroativamente; portanto, você poderá voltar depois e experimentar outra janela de atribuição.

  • Janela de atribuição pós-visualização: "Pós-visualização" refere-se a quando uma pessoa no Twitter vê seu Tweet Promovido e não interage com ele, mas posteriormente visita seu website e realiza uma conversão. As pessoas no Twitter costumam ver, ler e visualizar mídia nos seus Tweets Promovidos sem clicar neles. Por isso, incluir a atribuição pós-visualização permite ter uma ideia das conversões que você recebeu, mas para as quais não houve uma cobrança pelo engajamento.

    As opções para a janela de atribuição pós-visualização são de 0, 1, 2, 3, 5, 7, 14, 30, 60 e 90 dias. Se você não souber ao certo qual configuração escolher, recomendamos o padrão de "1 dia" após a visualização.
  • Quer rastrear outras conversões? Repita esta etapa para criar eventos de conversão para outras métricas que você deseja rastrear.
  • em quase todos os casos, um tipo de conversão específico deve ser usado somente uma vez em seu website. Criar vários eventos de conversão no mesmo tipo de conversão poder gerar dados duplicados no painel do Twitter Ads. 
4. Inclua o evento de conversão na sua campanha

Depois de o evento de conversão ser criado, você poderá selecioná-lo no formulário da campanha.

Para fazer isso:

a. Selecione “Criar campanha” na sua conta do Twitter Ads

b. Depois de preencher os detalhes da campanha, você precisará preencher os detalhes do grupo de anúncios.

c. Ao preencher os detalhes do grupo de anúncios, selecione “Conversões em website” em “Preferência de otimização”. Isso criará um novo campo, “Métrica principal de conversão”, onde você poderá selecionar o evento de conversão.

Para obter mais ajuda com o formulário da campanha, confira estas instruções detalhadas para criar uma campanha de cliques no website.

 

Como usar o rastreamento de conversões para melhorar campanhas

Para criar ótimas campanhas com resposta direta no Twitter Ads, é preciso testar estratégias diferentes, avaliar o que funciona e repetir o feito criando mais campanhas semelhantes às que tiveram sucesso. Continue esse ciclo até você ficar satisfeito com o custo por ação (CPA) que está obtendo com o Twitter Ads. A maioria dos anunciantes bem-sucedidos passam por esse ciclo regularmente para garantir que suas campanhas sejam completamente otimizadas:

  • Crie um evento de conversão especificamente para a conversão que você deseja rastrear. Elas pode ser genéricas (visitas ao website, envios de formulários, compras em todo o site) ou específicas (vendas de ingressos para um evento).
  • crie eventos de conversão para partes diferentes de seu funil de vendas. Por exemplo, crie um evento de conversão de Site Visit para a página de destino do produto e um evento de conversão de Purchases separado para a página de confirmação da compra. Assim, você terá um panorama do desempenho do tráfego do Twitter ao realizar conversões quando os usuários acessarem seu site.
  • Crie ótimas campanhas de Tweet Promovido de resposta direta para atrair clientes para o lugar certo em seu website.
    • Verifique se o conteúdo de texto do Tweet está focado em gerar conversões.
    • Certifique-se de que sua segmentação corresponda aos clientes em potencial (por exemplo, visitantes do website por meio da audiência de atividade do website).
    • Teste variações da segmentação e do conteúdo de texto do Tweet em várias campanhas diferentes. Quanto mais experiências você fizer, mais cedo encontrará a chave para promover a ação de seus clientes no Twitter.
  • Monitore as estatísticas de campanha para descobrir quais campanhas estão gerando mais conversões pelo menor preço (CPA). Aloque uma parte maior de seu orçamento para essas campanhas bem-sucedidas e tente criar mais campanhas semelhantes a essas.

Além de seguir esse ciclo de otimização, implementar estas práticas recomendadas pode ajudar você a obter o máximo de valor do rastreamento de conversões:

  • Tenha uma meta de CPA em mente. isso ajudará você a otimizar seu projeto em relação ao seu objetivo e a identificar quais campanhas estão funcionando e quais precisam melhorar.

  • Rastreie as conversões nos níveis da campanha e do Tweet. Use isso para analisar qual conteúdo de texto do Tweet está funcionando melhor, para fazer otimizações ainda mais específicas.

  • As website tags podem ser usadas em várias campanhas. Não há necessidade de criar novas website tags para cada campanha. Ao selecionar "conversões em website" como a preferência de otimização de uma campanha, você deve especificar uma das website tags como conversão principal. Isso representa a ação da tag ou do website que você considera mais importante para a campanha.

     

 

Como verificar se as website tags estão fazendo o rastreamento

Opção 1: depois de informar o código da website tag, retorne à aba "Conversões" do Twitter Ads para verificar o status da website tag.

Há três tipos de status diferentes para as tags:

  • Rastreamento: o Twitter recebeu pings da tag nas últimas 24 horas.

  • Não verificada: o Twitter ainda não recebeu nenhum ping da tag.

  • Latente: o Twitter não recebeu nenhum ping da tag nas últimas 24 horas.

Opção 2: para depurar ainda mais sua configuração do rastreamento de conversões, considere usar nossa extensão Twitter Pixel Helper. Essa extensão permitirá que você veja rapidamente se a tag do Twitter está sendo acionada em uma página específica e, se estiver, quais parâmetros estão sendo enviados ao Twitter.

Opção 3: a tag começa a enviar dados à interface de usuário do Twitter Ads na primeira vez em que alguém visita sua página da Web marcada. Sua tag não precisa ser de rastreamento em nossa interface de usuário para coletar dados. No entanto, se você tiver problemas na tag ou só quiser ser minucioso, conclua as etapas a seguir para explorar o código do seu website e verificar se sua website tag foi inserida e está funcionando corretamente.

Usando o Google Chrome

  1. Vá para o menu suspenso do Chrome: Exibir > Desenvolvedor > Ferramentas do desenvolvedor > Rede

  2. Digite "Twitter" na caixa de pesquisa de filtros e atualize a página

  3. Procure as tags de conversão do Twitter e combine o ID do pixel com o ID da interface de usuário do Ads.

  4. Verifique se é uma tag de conversão. Ela deve ser exatamente igual à sintaxe da interface de usuário do Twitter Ads.

  5. Verifique se a coluna de status diz "200".

  6. Verifique se há dois pixels instalados: um para desktop e o outro t.co para mobile.

  7. As tags de contêiner devem aparecer aqui também.

Usando o Mozilla Firefox

  1. Vá para o menu suspenso do Firefox: Ferramentas > Desenvolvedor da Web > Rede

  2. Classifique por "Domínio" e atualize a página.

  3. Role para baixo e procure "analytics.twitter.com" e "t.co"

  4. Procure as tags de conversão do Twitter e combine o ID do pixel com o ID da interface de usuário do Ads.

  5. Verifique se são tags de conversão. Elas deve ser exatamente iguais à sintaxe da interface do usuário do Ads.

  6. Verifique se a coluna de status diz "200".

  7. Verifique se há dois pixels instalados: um para desktop e outro t.co para mobile.

  8. As tags de contêiner devem aparecer aqui também.

 

 

Como configurar o rastreamento avançado de conversões para monitorar o ROI da campanha

A website tag também pode ser usada para entender o retorno sobre investimento das campanhas de Tweets Promovidos, incluindo a receita total (ou o valor total das conversões) gerada pela sua campanha e o número total de itens adquiridos.

O rastreamento de conversões registra automaticamente o tráfego e o caminho que alguém percorre nas suas páginas marcadas (codificadas). No entanto, para registrar quanto alguém está gastando ou o valor da compra dessa pessoa, é necessário aplicar o tipo de evento de tag apropriado e atribuir valores ao seu código base. Nesse caso, use o tipo de evento de tag "Purchase".

Observação: a tag de compra deve ser executada independentemente do tipo de tag PageView. Caso contrário, os valores dinâmicos serão substituídos.

O código de compra da website tag universal está abaixo:

      <!-- Twitter universal website tag code -->
<script>
!function(e,t,n,s,u,a){e.twq||(s=e.twq=function(){s.exe?s.exe.apply(s,arguments):s.queue.push(arguments);
},s.version='1.1',s.queue=[],u=t.createElement(n),u.async=!0,u.src='//static.ads-twitter.com/uwt.js',
a=t.getElementsByTagName(n)[0],a.parentNode.insertBefore(u,a))}(window,document,'script');
// Insert Twitter Pixel ID and Standard Event data below
twq('init','twitter_pixel_id');
twq('track','Purchase', {
    //required parameters
    value: '29.95',
    currency: 'USD',
    num_items: '3',
});
</script>
<!-- End Twitter universal website tag code -->
    

Parâmetros necessários:

  • value: refere-se ao valor real do item ou a conversão da ação sendo rastreada.
  • num_items: reflete o número de itens comprados para a conversão. Para a maioria das implementações codificadas, esse valor será "1".

No mínimo, você deve definir "value", "currency" e "num_items" para o tipo de evento da tag de compras. Se não estiver nos Estados Unidos ou estiver usando uma moeda que não seja o Dólar dos EUA, você precisará substituir "USD" pela abreviação da moeda local.

 

 

Estatísticas do rastreamento de conversões em websites

Depois que você configura uma website tag, os relatórios de rastreamento de conversões em websites na aba "Campanhas".  Você verá o número de conversões geradas no nível da campanha ou do Tweet, além de métricas relacionadas, como impressões, engajamentos, gastos e CPA.

Para ver os resultados dos seus eventos de conversão, selecione "Personalizar métricas". 

Depois, vá até a seção "Conversões" das métricas personalizáveis e selecione os tipos de evento de conversão que você deseja visualizar. 

Essas estatísticas também estão disponíveis por meio de um arquivo .csv para download em "Exportar dados", no Gerenciador de Anúncios. 

O painel de campanhas mostra as conversões por tipo. Por exemplo, se você tem interesse em rastrear dois tipos diferentes de compras, convém configurar um com a tag “compra” e o outro com a tag “personalizado” para obter relatórios separados sobre os dois.

Caso contrário, o arquivo .csv para download é uma opção para detalhar as conversões por nome do evento de conversão. As conversões pós-visualização e pós-engajamento também são detalhadas separadamente. Para fazer isso, selecione "Conversões no website por tag" ao exportar suas métricas.  

 

O que são as audiências personalizadas da atividade do website?

Na website tag, as audiências da atividade do website permitem que você alcance os usuários do Twitter que recentemente expressaram interesse em seus produtos visitando seu website. As audiências de atividade do website usam a mesma website tag para rastreamento de conversões desta página. Saiba mais sobre Audiências de Atividade do website.

Observação: para campanhas de cliques no website, o desempenho é melhor quando a Audiência Personalizada de atividade do website é usada na segmentação.

 

 

Detalhes da política de segurança de conteúdo

Adicionamos uma regra 302 de redirecionamento para nossa tag de rastreamento de conversões online (oct.js) e nossa tag universal de rastreamento de conversões (uwt.js). O redirecionamento funciona da seguinte maneira:

https://platform.twitter.com/oct.js ==> https://static.ads-twitter.com/oct.js

https://platform.twitter.com/uwt.js ==> https://static.ads-twitter.com/uwt.js

Se você tem um website com uma política de segurança de conteúdo (CSP) rigorosa, adicione ads-twitter.com a ela.

 

 

Por que minhas conversões relatadas mudam com o tempo?

Os relatórios do Twitter são finalizados de 24 a 48 horas após a veiculação das impressões. Antes disso, estimamos dados para fornecer feedback em tempo real, mas eles podem sofrer alterações. A interface do usuário de relatórios de conversão do Twitter possui dois pipelines de processo para exibir dados.

Primeiro, uma tarefa de transmissão coleta visitas à página e eventos de compra diretamente de dados de registros em tempo real e envia métricas aos relatórios. Em seguida, um processo de lote contínuo remove disparos de tags duplicados, ajusta atribuições de conversão e mescla identidades de conversões em vários dispositivos.

 

 

Ferramentas de rastreamento de terceiros

Observe que: as interfaces de terceiros podem não refletir os recursos do nosso rastreamento de website no Gerenciador de Anúncios do Twitter; isso pode estar relacionado somente às informações coletadas por tal terceiro.

 

Gerenciador de tags do Google

1. Entre na sua conta do Gerenciador de tags do Google: https://tagmanager.google.com/#/home

2. Selecione o espaço de trabalho apropriado associado ao contêiner do seu website.

3. Selecione “Tags” no menu de navegação à esquerda e clique em “Adicionar uma nova tag”.

4. Quando solicitado, selecione “Escolha um tipo de tag para iniciar a configuração…”. No painel à direita, selecione "Twitter Website Tag" na lista.

5. Atribua um título à tag. Caso contrário, o padrão será “Tag sem título”.

6. Na interface de usuário do Twitter Ads (ads.twitter.com), entre na sua conta do Ads e clique em Ferramentas > Rastreamento de conversões.

7. Se solicitado, gere sua nova website tag universal. Caso contrário, clique em "Visualizar código e instruções de instalação".

8. No snippet de código, copie o ID do pixel da linha semelhante a “twq(‘init’,‘twitter_pixel_id’);”. Na captura de tela abaixo, o ID do pixel é "nuqtg". Seu ID do pixel será exclusivo da sua conta do Ads.

9. No formulário do Google Tag Manager, cole o ID do pixel no campo Twitter Pixel ID.

10. Selecione o evento de tag do Twitter apropriado para a ação que você deseja rastrear no seu website.

11. Adicione os parâmetros necessários ao evento de tag. Atribua valores estáticos ou dinâmicos da sua camada de dados para cada parâmetro de tag. Por exemplo, o evento de tag "Purchase" normalmente inclui os parâmetros "value" e "currency":

12. Adicione os gatilhos necessários para carregar o evento de tag em um conjunto específico de páginas da Web. Por exemplo, o evento “Purchase” normalmente é acionado em páginas de confirmação de pedidos. Portanto, nosso exemplo de gatilho de tag só carrega a tag quando o evento “Purchase” está no URL da página. Os gatilhos são específicos da configuração do site e da estrutura do URL.

13. Conclua etapas semelhantes para todos os estágios do site. Por exemplo, não acione o evento de tag "PageView" quando o evento de tag "Purchase" for acionado.

 

Tealium

1. No painel do Tealium, clique em “Tags” > “+ Add Tag”.

2. Procure "Twitter Universal Website Tag" e depois clique em “+ Add”.

3. Atribua um título à tag. Caso contrário, o padrão será "Twitter Universal Website Tag".

4. Na interface de usuário do Twitter Ads (ads.twitter.com), entre na sua conta do Ads e clique em Ferramentas > Rastreamento de conversões.

5. Se solicitado, gere sua nova website tag universal. Caso contrário, clique em "Visualizar código e instruções de instalação".

6. No snippet de código, copie o ID do pixel da linha semelhante a “twq(‘init’, ‘twitter_pixel_id’);”. Na captura de tela abaixo, o ID do pixel é "nuqtg". Seu ID do pixel será exclusivo da sua conta do Ads.

7. Na interface de usuário do Tealium, cole o ID do pixel no campo Twitter Pixel ID.

8. Defina suas "Load Rules" para carregar a tag apropriadamente nas páginas relevantes do seu website. Load Rules determinam quando e onde carregar uma instância dessa tag no seu site. A regra "Load on All Pages" é o padrão. Para carregar a tag em uma página específica, crie condições relevantes para aplicar à configuração.

9. Defina seus "Data Mappings". Mapeamento é o processo de envio de dados de uma fonte de dados, na sua camada de dados, à variável de destino correspondente na Twitter Universal Website Tag.

Veja a seguir um exemplo de conjunto de mapeamentos de dados para essa tag. Os nomes das fontes de dados não precisam corresponder ao exemplo. Esse exemplo assume que há uma extensão de comércio eletrônico totalmente configurada.

10. Clique em “Publish” na interface de usuário do Tealium para publicar as tags recém-criadas nos seus ambientes de desenvolvimento, testes ou produção.

se você tiver dúvidas, consulte a documentação detalhada do Tealium.

 

 

TagMan da Ensighten

1. No painel do TagMan, procure a “Twitter Universal Website Tag” na biblioteca do TagMan:

2. Atribua um título à tag. Caso contrário, o padrão será "Twitter Website Event Tag".

3. Na interface de usuário do Twitter Ads (ads.twitter.com), entre na sua conta do Ads e clique em Ferramentas > Rastreamento de conversões.

4. Se solicitado, gere sua nova website tag universal. Caso contrário, clique em "Visualizar código e instruções de instalação".

5. No snippet de código, copie o ID do pixel da linha semelhante a “twq(‘init’, ‘twitter_pixel_id’);”. Na captura de tela abaixo, o ID do pixel é "nuqtg". Seu ID do pixel será exclusivo da sua conta do Ads.

6. Na interface de usuário do TagMan, cole o ID do pixel no campo Twitter Website Tag ID.

7. Defina o campo "Tag Event Type" como um dos tipos de evento de tag do Twitter: PageView, ViewContent, Search, AddToCart, AddToWishlist, InitiateCheckout, AddPaymentInfo, Purchase, Signup, CompleteRegistration ou Download.

8. Dependendo do “Tag Event Type” selecionado, configure os parâmetros necessários ao evento.

Observação: cada evento de tag do Twitter tem um conjunto de parâmetros obrigatórios e opcionais. Por exemplo, o evento "ViewContent" requer os parâmetros "content_ids" e "content_type".

9. Configure as condições de acionamento de tag para o tipo de evento de tag.

10. Salve a configuração e repita as etapas acima para cada evento de tag que você deseja acionar no seu website.

11. Publique as tags recém-criadas nos seus ambientes de desenvolvimento, testes ou produção.

 

 

Signal

1. Entre na conta do Signal aqui.

2. Clique em Tags > "Add a Tag" e procure por "Twitter Conversion" > escolha "Twitter Universal Website Tag (JavaScript)"

3. Defina a tag PageView para rastreamento de todas as visitas ao website: (aciona condicionalmente em toda parte, exceto em compra/finalização da compra)

4. Atribua entradas para onde a tag for executada (todas as páginas, exceto finalização da compra).

5. Crie uma segunda tag para rastrear as conversões de compras (se for aplicável).

6. Atribua entradas para onde a tag for executada (compras/finalização da compra).

Ready to get started?

Get inspired

8 content marketing mistakes that reduce conversion rates